14 de abril de 2011

Conversas da Strega

Conversas da Strega

Strega: -Oi, Papai do Céu! Tudo bem? 
Papai do Céu:-Sim, tudo. E com você?
Strega: -Ah! Comigo anda tudo mais ou menos. 
Papai do Céu:-Por que mais ou menos? 
Strega: -É que desde que você inventou alguns pecados como pecado, eu vivo pecando. 
Papai do Céu:-Ora então, pare de pecar! 
Strega: -Ah! Eu num paro não, porque tenho o pecado de amor proibido e, amor proibido é muito bom. Nenhum amor devia ser proibido e nem pecado. Na próxima criação me chama que juro que tenho algumas dicas pra nova civilização. 
Papai do Céu:-Ah! Strega... Você não toma jeito. 
Strega: -Bem... Tem jeito que eu num quero tomar, não! 
Papai do Céu:-Eu sou Deus e te abençoo. 
Strega: -Amém! Muito obrigada! Benção é muito bom. Mas num dá pra gente conversar mais um pouco e mudar alguns destes negócios de pecado. 
Papai do Céu:-Doida! Nesta civilização num dá não. 
Strega: -Xiiii... Tô ferrada na religião cristã. 
Papai do Céu:-Está mesmo. 
Strega: -Ah! Tudo bem eu num ligo, eles me chamam de pagã. Mas eu juro que creio em você Papai do Céu. 
Papai do Céu:-Eu também creio em você. Creio que seu amor um dia mude. E agora chega! Anda vai logo embora... Menina petulante.
Strega: -Tá bem! Tchau! Até amanhã! 
Papai do Céu:-Rsrsr... Até amanhã! 
Hoje em oração bem eu fiz Papai do Céu rir, mas ele ainda anda meio bravo comigo. Um dia conquisto uma gargalhada Dele, eu juro pra mim mesma.

By Helô Strega

2 Comments:

  1. RELTIH said...
    EXCELENTE RELATO. UN GUSTO VISITARTE.
    BESOS
    inttimus said...
    passando para deixar um beijinho e o desejo de feliz páscoa !

Post a Comment



Runas

Tarô

Minhas Músicas

Template by:
Free Blog Templates