26 de abril de 2009

Sombras

.

Sempre gostei de brincar com sombras

Produzidas nos contrastes

Entre algum tipo de matéria contra a luz.

Quando era pequena adorava brincar

Que eu era gigante ficando perto de algum

Poste de luz à noite

Caçando o ângulo; o ponto de luz

Onde minha sombra pudesse ficar enorme.

E ai das outras crianças

Que pisassem em minha gigante sombra.

Eu brigava feio, chegava até chorar,

Como se tivessem pisado em mim de verdade.

.

Lembro-me de quando pequena brincar de pique sombra

Que nada mais era do que

Tentar pegar a sombra do colega

Se conseguisse esta façanha, pronto!

O pique estava com outro.

.

Ah! Minha avó, Iracema

Era fera em fazer sombras com as mãos

Quando estava chovendo à noite

Ou quando cortavam nossa luz

Por falta de pagamento.

Ela pegava uma vela e fazia

Um monte de bichos na parede

Manipulando magicamente as mãos.

Dos animais que ela fazia até hoje sei fazer

As sombras do coelho e de pássaros.

.

Sempre que falo de sombras

Lembro-me da História de Peter Pan,

Pois um dia sua sombra

Consegui se desprender dele e fugir,

Para tentar ser livre, ela aprontou muito.

Mas o que ele mais gostava

Era de brincar com sua sombra

E pegá-la era difícil.

Então, com a ajuda de Wend

Eles a enganaram e ela a costurou de volta ao seu corpo

Através de seus pés.

.

.

A sombra ficou zangada, mas depois se acostumou.

Peter Pan voou, então para Terra do Nunca

Onde todos os meninos perdidos

Não querem ou têm medo de crescer,

Brincam com suas sombras até hoje

.

By H.Strega

2 Comments:

  1. Anônimo said...
    Vc escreve dando margem à reflexão, seu texto se completa nos outros, não sei mesmo se os textos são nossos ou se repetimos o que o Logos nos diz. Pense nisso.

    Me tornei amigo de minhas sombras, são as outras que me assustam. srsrsrsrsrs

    Claiton
    H.Strega said...
    É que só consigo escrever sobre os conhecimento -logos - e experiências que estão tatuados em mim rsrs....
    Minhas escritas/ rabiscos, nascem daquilo que vou me tornando cada dia: um ser que já é/sou, mas que também muito ainda está por ser rsrsr...

    Valeu! Claiton!

Post a Comment



Runas

Tarô

Minhas Músicas

Template by:
Free Blog Templates